Refugiado sírio atravessa o Mediterrâneo com seu gatinho no colo

Em meio à crise de refugiados fugindo da guerra, esse homem e sua esposa deram uma demonstração linda de amor pelo seu gatinho, trazendo-o junto na árdua travessia de bote da Síria até a Grécia (mais de 2 mil km). O homem fez uma rede adaptada e pendurou no pescoço para acomodar seu parceirinho Zaytouna, que significa “azeitona” em árabe.

As fotos do trio chegando na costa da Grécia se tornaram virais depois de serem publicadas por ativistas no Twiter. Uma delas, Tamara (@tamara_vdP), contou que “Os donos do Zaytouna insistiram que ajudássemos uma senhora idosa antes de tirarmos a foto deles. Lindas almas.”

Zaytona não foi o primeiro animal a conseguir fugir da guerra graças ao amor e dedicação de sua família humana. Este pequeno abaixo, Johnny, também está em solo grego, livre das bombas e destruição. Assista a um pequeno vídeo de Johnny no campo de refugiados feito pela Ruptly TV clicando aqui.

Muitos cachorros também fizeram a travessia. “Eu nunca poderia deixá-lo na Síria, ele é meu bebê”, disse Ahmad sobre seu parceiro peludo Teddy, da foto abaixo.

O amor dessas famílias por seus animais vai muito além das dificuldades no mar. Muitos pretendem deixar a Grécia para viver em outras regiões da Europa, principalmente a Alemanha, mas viajar com um cachorro ou gato pela Europa pode se mostrar um grande desafio.

Diversos países exigem vacinas em dia e atestados veterinários e muitos meios de transporte não permitem animais. O que ressalta mais ainda a dedicação e consideração que essas pessoas têm por seus animais.

 

Refugiados na Europa

Só em julho, 50 mil refugiados sírios chegaram à Europa pela Grécia fugindo da guerra. A Alemanha declarou que irá oferecer asilo para 800.000 pessoas, mais do que qualquer outro país europeu. Porém, para chegar à Alemanha, eles precisam passar por diversas fronteiras e muitas estão fechadas para refugiados – a Macedônia tem soldados armados e bombas de gás, e a Hungria está construindo uma cerca de arame por toda fronteira com a Sérvia.

Comentários desativados.