A verdadeira importância dos passeios para os cachorros

a verdadeira importancia dos passeios cachorros

Os cachorros amam passear*. Eles ficam loucos quando veem a coleira, saltitam a caminhada toda na maior alegria e alguns até fazem corpo mole para voltar para casa. E, se pensarmos como eles, fica fácil entender o porquê: na rua eles têm um mundo inteiro para conhecer, cheirar, marcar, descobrir novidades, saber qual cachorro passou por ali antes, e coisas caninas do tipo.

O que é menos obvio é que passeio não é mimo. Não é igual comprar brinquedo novo ou fazer bolo de sachê no aniversário do peludo. Para os cães, o passeio é muito mais que isso: é uma necessidade física e mental, é uma parte importantíssima da natureza deles. Um cachorro que não passeia regularmente tem uma vida tão antinatural quanto um passarinho que não pode voar.

Os canídeos, sejam lobos ou cachorros selvagens, acordam e… saem para passear! Nenhum fica parado do lado da toca o dia todo. Eles caminham quilômetros todos os dias, seja para encontrar comida, para encontrar água e principalmente para patrulhar (e marcar) todo o território. Por isso que nossos peludos caseiros adoram tanto cheirar postes e fazer um xixizinho em cada esquina!

lulu

Além disso, a grande maioria das raças populares hoje em dia não foi criada para fazer companhia para pessoas. Eles foram “criados” para trabalhar. Sim, até os pequeninhos, peludinhos e fofinhos são trabalhadores. Os poodles eram retrievers (buscam a caça), os yorkshires eram terriers (caçam em túneis) e, por incrível que pareça, os lhasa apso eram sentilas de templos budistas.

Por isso, os cachorros tem um montão de energia acumulada para gastar (imagina quanto pique não é preciso para ficar correndo atrás de caça!). E o passeio é perfeito para isso – afinal, melhor gastar energia na rua do que roendo seus sapatos ou o pé dos móveis, não é? Sem contar que o passeio ajuda os peludos, e quem passeia com eles, a manter a forma.

Agora vem a dúvida: quantas vezes por semana eles devem passear? Ou melhor, quantas vezes por semana a natureza deles pede um passeio? Bom, sete vezes por semana, é claro! Os canídeos selvagens caminham todos os dias, e os nossos peludos dormem e acumulam energia todos os dias.

Infelizmente, nós humanos normalmente não ficamos o dia todo só esperando a hora do passeio como eles ficam. A maioria deles não trabalha, mas nós sim. Então o melhor a fazer é: passear o máximo de vezes possível. Nem que durante a semana seja só uma voltinha no quarteirão, a coisa já faz a maior diferença para os pequenos! E, para quem pode financeiramente, existe a possibilidade de contratar um passeador profissional.

E sempre que vier a preguiça, lembre-se: Um cachorro que passeia constantemente é um cachorro muito mais feliz, equilibrado, saudável… e mais verdadeiramente cachorro!

 

Ah, para quem estava se perguntando… gatos também podem curtir um passeio! Sim, de coleira, seguros e protegidos. Leia mais sobre isso aqui.

gatos-pasear-de-coleira

 

*Existem alguns cachorros que não gostam de passear, mas na maior parte das vezes a situação envolve causas psicológicas (trauma, medo, insegurança) ou físicas (dores, artrite) que podem e devem ser superadas.

Fotos: swong95765, SameOld2010 e Finn Frode

2 Comentários

  • Clarissa disse:

    Nosso cachorrinho Bolota sumiu hoje pela manhã em torno das 8:20 hs na rua Bento Freitas em Gravataí. Pedimos a quem o encontrou entre em contato por favor, através do fone 51-34318171 e 51-82061525.

    Quem mora nas imediações como na rua Parque Pioneiro e Esperança por favor… ele só fica dentro de casa… estava no pátio p fazer o xixi e em um momento q o portão ficou aberto p sairmos de carro ele escapuliu e só vimos uns 10 min depois… procuramos em todas as ruas nas imediações e nada… divulguem por favor.

    Já é a segunda vez que ele foge… na outra vez encontramos, estava com um vizinho na nossa rua mesmo. Ele deve ter sido recolhido por alguem, pois andamos em todas as ruas em torno e ele não estava na rua. Quem achou, por favor nos avise!!!! Obrigada!

    • Clarissa disse:

      Ele é da raça shiatsu, branco com manchas marrom claro, bem peludo, por favor se alguém encontrar fale comigo!!!