Escolhendo o gato certo para você

cattyExistem vários tópicos importantes a considerar antes de adotar seu novo amigo. E o primeiro passo para começar uma amizade longa, é, claro, escolher o gato. Ou melhor, escolher o gato certo para você.

Essa decisão é extremamente importante porque um gato – diferente de uma peça de roupa ou um console de video-game – é um animal vivo, que tem sentimentos, e vai precisar dos seus cuidados, carinho e atenção pelos próximos, 10, 15 ou até 20 anos.

Antes de fazer sua escolha, você precisa se perguntar algumas questões importantes como: filhote ou adulto? Personalidade? Pêlos curtos ou longos? Quando estiver respondendo, tenha em mente seu estilo de vida. Você gosta de ficar no sofá e quer um gato junto no seu colo? Você adora quando o gato conversa com você? É mais legal observar o gato do que a televisão?

 

Filhote ou adulto?

Gatinhos filhotes são adoráveis, curiosos, brincalhões e cheios de energia. Mas eles também podem ser estabanados e demandar muita supervisão e muita paciência. E você não vai ter como prever a personalidade dele quando ficar maior.

Adultos são mais calmos, menos ativos e menos arteiros. Além de que você pode ter uma boa noção da personalidade dele. Logo, se está buscando qualidades específicas, considere gatos com pelo menos um ano de idade.

 

A família importa

Pense na sua família quando for escolher o gato. Filhotes e crianças nem sempre se dão bem, já que filhotes são frágeis e as crianças podem ser meio brutas. Elas tendem a puxar as partes mais acessíveis do gato como rabo, orelhas e pêlo – e não resistem dar um abraço de urso. Sempre supervise a interação do seu filho e seu gato.

 

Personalidade

Gatos, como as pessoas, são indivíduos. Não existem dois gatos iguais, nem numa mesma ninhada.

Alguns são carinhosos e toleram todo tipo de mimos, inclusive roupinhas. Esses gatos são perfeitos para crianças e idosos que querem e apreciam uma companhia assim.

Outros gatos sequer gostam de ser carregados e só virão até você por um agrado quando quiserem. Existem também gatos que dormem o tempo todo, e o oposto, gatos que estão o tempo todo procurando o que fazer.

A personalidade varia muito entre raças (e entre mestiços com pai ou mãe de raça). Se decidir adotar um gato de raça, pesquise para saber as características específicas. Persas, por exemplo, são quietos e sedentários, enquanto exóticos como o bengal e outros descendentes dos gatos selvagens tendem a ser extremamente ativos. Siameses têm a reputação de serem muito comunicativos.

 

Pelôs curtos ou longos?

Essa é basicamente uma questão de preferência e do tempo que você está disposto a passar escovando o gato. Pêlos longos exigem cuidados quase diários para evitar a formação de nós. E como nem todos os gatos gostam de ser escovados, você pode acabar desistindo e tosando seu amigo.

Pêlos curtos não exigem tanta escovação, mas ela é necessária mesmo assim para remover pêlos soltos e estimular a pele. Um gato que gosta de ser escovado vai vir correndo quando vir a escova.

 

Gatos especiais

Muitos gatinhos com necessidades especial são ótimos companheiros. Eles podem ser idosos, surdos, cegos ou ter doenças que exigem medicamento regular. Sua condição não afeta o quanto de amor eles têm para dar, mas significa que você precisa ter um comprometimento extra para atender às suas necessidades.

 

Espaço para mais um?

Se você já tem animais, precisa, obviamente, pensar neles antes de trazer um novo gato para casa.

A boa notícia é que eles podem se dar muito bem com outros gatos e que a maioria dos cachorros aceita os felinos no ambiente. Mas isso não é uma garantia que de que o gato vá aceitar o cachorro, nem de que o cachorro vai resistir à tentação de perseguir o gato. Algumas vezes, é literalmente impossível fazer eles se darem bem.

Existem gatos que são muito felizes como filhos únicos e podem se incomodar com um irmão novo. Quanto mais gatos você já tiver, maior a chance de dar problemas; eles podem ficar muito estressados e desenvolver comportamentos indesejados como marcação de território, brigas e se esconder de medo.

 

Seja responsável

Adote com a certeza de que poderá fornecer tudo o que seu gato precisa por toda a vida!

 

Fonte: Humane Society

Comentários desativados.