Por que os gatos balançam o bumbum antes de atacar?

O gato vê o ratinho no meio da sala, se abaixa, prepara para o bote e… dá uma reboladinha? Pois é, a cena é conhecida de todas as mamães e papais de gatos, alguns chamam de sapateado, rebolado, dancinha, chacoalhar o traseiro, balançar o bumbum, e todos se derretem de amores.

Mas é claro que não é só para parecerem fofinhos que eles fazem isso. Na verdade, até os grandes felinos rebolam antes de dar o bote. Como sempre acontece com nossos companheiros misteriosos, o real motivo ainda é alvo de debate entre os comportamentalistas e a verdade provavelmente envolve um pouco de cada hipótese.

 

1. Para se aquecer

Todo atleta se aquece e alonga antes de começar a praticar exercícios. Com os gatos, não deveria ser diferente. As patinhas traseiras é que dão a impulsão necessária para o bote, então faz sentido precisar aquecê-las – imagina o que aconteceria se o caçador tiver uma cãibra no meio do caminho!

 

2. Para sentir o solo

O sucesso da caçada depende do sucesso do ataque, que por sua vez depende do sucesso da impulsão e do balanço do gato. Escorregar no meio do bote seria bonitinho, mas um completo fracasso – melhor saber bem no que se está pisando.

 

3. É muita emoção!

Uma pesquisa australiana  sobre gatos ferais revelou que apenas 32% das caçadas são bem-sucedidas. Ou seja, menos de 1/3 das tentativas termina bem (para o gato). E eles nem caçam por fome, na verdade, eles não comem 28% das presas que matam. Isso quer dizer que: gatos amam caçar (novidade?) e que cada caçada tem que ser muito bem aproveitada – é muita emoção para conter, vamos rebolar de ansiedade! 

 

Foto: James Balnaves

Comentários desativados.