Como fazer arranhadores grandes sem gastar muito

Um bom arranhador é indispensável para a saúde física e mental dos gatos. Acertar no tamanho, material, orientação e localização do arranhador pode ser a diferença entre ter um gato satisfeito, e seus sofás poupados, ou não.

As preferências do seu gato só você pode descobrir, observando se ele prefere arranhar na horizontal ou vertical, se prefere materiais mais macios (papelão, carpete) ou mais duros (cisal, madeira) e onde ele gosta do arranhador (normalmente no cômodo predileto, em lugar bem visível).

Já o tamanho, não tem segredo: o gato precisa conseguir se esticar completamente quando está aparando as garras ou se espreguiçando. O grande problema disso é que quanto maior o poste, mais caro ele será. Por sorte, fazer um bom arranhador em casa não é difícil e pode sair super barato se você souber quais materiais usar.

Então segue abaixo um tutorial de 10 passos fáceis para fazer arranhadores grandes, bonitos e baratos. E logo depois tem um guia de alguns materiais alternativos que você ou seu gato podem preferir.

 

MATERIAL – Básico

  • Tubo de papelão: este é o grande segredo, o tubo de papelão você consegue de graça em lojas de tecido! As lojas descartam essas preciosidades aos montes e não se importam nem um pouco de dar para você; algumas, normalmente as que vendem pelúcia, já até guardam os tubos para dar aos gateiros.
  • Sisal: é ele que encarece o arranhador, variando de alguns centavos a um real o metro, dependendo da espessura — e você usará bastante sisal (veja ao final do post como calcular a quantidade necessária). Por exemplo, para o arranhador de 90 cm de altura e 26 cm de diâmetro deste tutorial, foram usados 40 metros de sisal 6mm. Mas é claro que você não precisa cobrir todo o poste com sisal, se quiser poupar um pouco, cubra só a metade de cima que é onde o gato irá de fato arranhar.
  • Serra para cortar o tubo (opcional)
  • Cola quente (opcional)
  • Pelúcia para acabamento (opcional)

MATERIAL EXTRA – Para base

  • Base de madeira
  • 4 cantoneiras
  • 8 parafusos com porca
  • 8 parafusos auto atarraxantes (comprimento menor que a espessura da base)
  • Ferramentas diversas: chave Phillips, tesoura, martelo, prego fino.
  • Massa acrílica, corrida ou argila (opcional, para maior resistência)

 

COMO FAZER

1. Corte o tubo no tamanho desejado. Use uma serrinha de mão ou, na falta dela, uma faca serrilhada.

2. Faça um furo em uma extremidade para passar o sisal. Dê um nó firme e puxe. Se quiser, use um pouco de cola para fixar bem o nó.

3. Comece a enrolar o sisal. Para deixar o arranhador mais resistente, pode ser uma boa ideia colar as primeiras voltas com cola quente. Quando chegar ao final, deixando um comprimento razoável de sisal, faça novamente um furo, passe o sisal e dê um nó firme, ou fixe apenas com cola.

4. Está pronta a parte básica! Você já pode fixar o arranhador assim mesmo na parede, embaixo de uma mesa, no pé de uma cadeira ou até na horizontal. Se quiser, dê um acabamento nas extremidades com pelúcia ou tecido. Mas, se preferir fazer uma base para que ele fique de pé sozinho, siga os próximos passos.

5. Posicione as cantoneiras na lateral do tubo e marque onde devem ir os parafusos com porca. Retire as cantoneiras e faça os furos, certificando-se de que os parafusos passem bem justos.

6. Fixe as cantoneiras no tubo, prendendo as porcas pela parte de dentro.

7. Agora posicione o tubo na base de madeira e marque onde devem ir os furos. Com um prego fino e um martelo, faça um furinho em cada marcação, apenas para guiar os parafusos depois.

8. (Opcional) Antes de fixar o tubo na base, pode ser um boa ideia colocar um pouco de argila ou massa acrílica/corrida na parte de baixo. Isso ajuda a deixar a base mais pesada e a prender melhor os parafusos, o que evita que o arranhador fique bambo ou que tombe.

9. Posicione o tubo de acordo com a marcação e use os parafusos auto atarraxantes para fixar as cantoneiras. Para isso, é só posicioná-los no furinho que você fez e parafusar com a chave, eles abrem o furo e se fixam sozinhos.

10. Agora o arranhador já está pronto para ser usado! Para dar um acabamento melhor, faça um revestimento de pelúcia. A pelúcia fixa bem com cola quente, mesmo na madeira, mas você também pode usar um grampeador (atente-se para ver se os grampos estão firmes e não vão machucar o gato). Pronto! Chame o miau para estrear o presente!

 

OUTRAS DICAS

– Antiderrapante: muito útil para evitar que o arranhador saia do lugar, tombe ou risque o chão. Pode ser o antiderrapante adesivo ou tela de borracha, ambos funcionam muito bem.

– Poste de madeira: se quiser fazer um arranhador com prateleiras ou preferir um acabamento mais rústico, você pode usar um pontalete de eucalipto como poste. É possível encontrar pontaletes em madeireiras por menos de cinco reais cada, porém é necessário tratá-los (tirar a casca, lixar, envernizar). Você também pode pedir pontaletes em obras, já que muitos são descartados depois de um tempo.

– Revestimento: a melhor alternativa ao sisal é o carpete, vendido por metro em lojas especializadas, de material de construção ou decoração. Outra possibilidade é usar várias camadas de juta, um tecido trançado fino que lembra a rusticidade do sisal – ele é bem mais barato, porém menos resistente, e pode ser encontrado em lojas de tecido ou artigos para festa. Por fim, alguns gatos gostam mesmo é de arranhar madeira (que é o que fariam na natureza) e um tronco que sobrou da poda de uma árvore pode ser suficiente para deixar o miau muito feliz. Se ele prefere matérias macios, o papelão é uma opção (veja aqui um tutorial).

– Brinquedinhos e catnip: para tornar o arranhador mais interessante, esfregue um pouco de catnip no poste e pendure alguns brinquedinhos no topo usando sobras do próprio sisal (atenção: não use cordas que podem ser rompidas/engolidas e cuidado com o comprimento da corda para o gato não se enroscar).

 

COMO CALCULAR A QUANTIDADE DE SISAL NECESSÁRIA PARA UM ARRANHADOR

Meça a circunferência do tubo conforme a imagem. Se não tiver fita métrica, use um barbante e depois meça o barbante numa régua.

Agora, divida a altura do arranhador (em cm) pela espessura do cisal (também em cm). O resultado você multiplica pela circunferência do tubo (também em cm). Pronto, essa é a quantidade aproximada em centímetros de sisal que você precisa — para converter para metros, divida o resultado por 100.

(altura do arranhador) / (espessura do cisal) x (circunferência do tubo)
= quantidade de sisal necessária

Atenção: Use a mesma unidade para todas as medidas (mm OU cm OU metro).

Exemplo: Arranhador do tutorial – altura: 90 cm; sisal: 0,6 cm (6mm); circunferência do tubo: 26,5 cm. Conta: 90/0,6*26,5 = 3975 cm (39,75 metros)

Comentários desativados.