É fácil! Aprenda a fazer caminhas com aparência profissional

caminhafinal copy

Parece super difícil quando a gente vê na pet shop, mas as caminhas com laços na laterais são um dos modelos mais fáceis de costurar. Não é nem preciso ter máquina se você tiver paciência para fazer a mão. O resultado é lindo e, além da vantagem do preço, dá para fazer na estampa, cor, tamanho e tecido que melhor combina com a casa – e com a personalidade do pet.

Escolher o tecido é uma parte importante, e todos têm um lado bom e um ruim. O mais macio e quentinho é o “soft”, mas ele rasga com mais facilidade. O algodão tricoline tem infinitas opções de estampa, mas é fino e pode precisar de um forro. O náilon (“de guarda-chuva”) é mais fácil para limpar e resiste bem, mas pode ser difícil encontrar e não esquenta tanto. O jeans e a lona são bem fortes e têm boa temperatura, só que dificilmente vêm estampados.

Para a base da caminha, porém, a coisa muda. O melhor tecido é o courino (couro falso). Ele é impermeável e resistente, então não passa umidade e nem friagem do piso para o pet. Ou, se optar por fazer a base do mesmo material que o restante, coloque um pedaço de papelão embaixo da almofada em dias mais frios e a coisa está resolvida.

O enchimento também é importante. A fibra siliconada é mais cara e precisa ser usada em grande quantidade. A espuma não tem a mesma qualidade, mas é preferível do que uma caminha “murcha” de fibra. Os flocos de isopor são ótimos (é o enchimento daqueles “Fom”), mas é necessário combiná-los com um tecido elástico para dar a maciez esperada. Ou, é claro, você sempre pode usar retalhos de pano, toalhas, travesseiros velhos e coisas assim. Seu pet não liga se estiver macio!

Enfim… Patinhas à obra!

 

Materiais

– Tecido (s)

– Enchimento

– Fita resistente

– Kit de costura

 

Como fazer

caminha1Marque o tamanho das peças no tecido e corte deixando uma tolerância para a costura dos lados. Preste atenção à altura da borda, a almofada de centro já fica alta por conta do enchimento, então faça a borda bem alta também. Se for fazer com 20 cm, por exemplo, você precisa marcar o tecido com o dobro disso (40 cm), já que depois vai dobrar no meio.
caminha2
A almofada é só juntar as duas partes de tecido e costurar na marcação. Se colocar um zíper ou velcro em um dos lados, fica mais fácil virar do avesso e colocar/tirar o enchimento na hora de lavar. Muitos enchimentos vão perder a forma com o tempo, então coloque bastante para ficar bem fofinho!
caminha3
Agora é a parte complicada. Coloque as tiras de fita (no mínimo 25cm de comprimento) bem o meio da parte que será a lateral da caminha, deixe a parte maior para dentro (depois você vai virar ao avesso e vai ficar certo). Não marque esse lado que você está colocando as fitas – ele será a parte de fora! Agora dobre a peça e costure só as laterais. Se quiser, prenda a fita com alfinetes para não sair torto.
caminha4Agora vire as laterais costuradas ao avesso e coloque-as em cima da parte de trás da base. A parte da costura tem que ficar do lado de dentro da caminha, assim a almofada vai escondê-la. Se ficar na dúvida da posição, prenda com alfinetes e veja se está dando certo.

Quando costurar as peças laterais, deixe um vão para colocar o enchimento e feche-o depois (pontos comuns nessa hora, a almofada vai cobrir tudo). Mais uma vez, não economize! Essa parte é responsável pela estrutura da caminha, quanto mais cheia e durinha, melhor o resultado final.

caminha5 

Caminha pronta! Os retalhos que sobraram dão ótimos brinquedinhos, use a criatividade :)

1 Comentário